VIDRO ESTRUTURAL

A arquitetura envolve o planejamento de espaços construtivos de acordo com critérios de estética, conforto e funcionalidade, determinando materiais que serão utilizados no ambiente, levando em consideração a utilização do mesmo, ventilação adequada e a iluminação. Intimamente ligada ao jogo de luz, espaço e forma dos ambientes, o vidro e a arquitetura se casam ao oferecerem estrutura construtiva robusta, enquanto possibilita a maximização da luz natural.

O vidro em suas mais distintas variações de tamanho, forma, design e cor, pode ser empregado de maneiras diversas, desde o mais básico, como uma janela, até fechamento de edificações, coberturas, pisos. A restrição de uso do vidro está atrelada a estrutura civil, a qual fará a ancoragem dos vidros e sua sustentação. Em projetos de vidro estrutural, são sempre utilizadas peças e ferragens que complementam o projeto, e são de suma importância para a ancoragem e sustentação das peças de vidro. Alguns exemplos são as fachadas em cabos de aço, spider, montante em aço, ferragem em aço inox, inox, coluna e contraventamento em vidros.

projetos_estrutural